Remédio para dor de cabeça na gravidez: posso tomar?

Remédio para dor de cabeça na gravidez: posso tomar?

Inchaço, enjoos, náuseas… são várias as reações que a gravidez proporciona ao organismo da mulher. Uma delas, também, é a dor de cabeça.

Esse incômodo pode surgir de diferentes formas. E, se forem recorrentes durante a gestação, devem ser acompanhadas de perto por um médico especialista. 

Neste caso, muitas futuras mamães se perguntam se podem, ou não, tomar um remédio para aliviar. Mas, vale lembrar que é fundamental prestar atenção com todo e qualquer medicamento durante a gestação. 

Um remédio não indicado pode trazer prejuízos à mãe e ao bebê. 

Para tirar as suas dúvidas sobre o assunto, preparamos um post que vai responder qual remédio para dor de cabeça a grávida pode tomar. 

Desejamos que tenha uma excelente leitura!

Dores de cabeça na gravidez

Geralmente, ​a dor de cabeça durante a gestação por aparecer logo no 1º trimestre. O incômodo pode vir por diferentes formas, como alterações hormonais, estresse, fome e cansaço. 

Mas, se essa dor de cabeça for constante e vir acompanhada de sintomas como dor abdominal, visão turva e falta de ar, fique atenta. Pode ser sinal de doenças como a eclâmpsia e a Síndrome Hellp, que apresentam formas graves de pressão arterial elevada.

Se as dores de cabeça forem um problema recorrente na gravidez, a mulher deve consultar um médico obstetra imediatamente. O especialista vai avaliar as condições do caso e o que pode estar motivando essas dores. 

Qual remédio para dor de cabeça a grávida pode tomar?

O incômodo causado pela dor de cabeça deixa as pessoas cansadas e indispostas. O mesmo ocorre com a mulher grávida, que está enfrentando vários outros incômodos no corpo, causados por alterações hormonais e do organismo. 

E é justamente por causa dessas alterações que a gestante precisa tomar alguns cuidados com o que ingere. E isso inclui os medicamentos para dor de cabeça. 

O que toda grávida precisa ter em mente é que indicações de medicamentos contra dor de cabeça devem ser prescritas por um médico especialista, de acordo com o trimestre da gestação. 

Isso porque doses excessivas de determinados medicamentos podem afetar o fígado da mulher e prejudicar a formação do feto.

Normalmente, os tratamentos são indicados apenas quando as dores de cabeça se mostram muito intensas, acompanhadas por náuseas e vômitos, e não são aliviadas por métodos naturais, que falaremos mais no parágrafo abaixo. 

Nesses casos, o remédio para dor de cabeça mais indicado para a grávida é o paracetamol, porque ele representa menos riscos à saúde do feto.

Ao contrário da dipirona, que não deve ser utilizada no 1º, nem no 3º trimestre de gestação, pois pode causar danos à formação do bebê.

Se não forem casos extremos, o ideal é que as dores de cabeça nas gestantes sejam combatidas por meio de métodos naturais. Vamos mostrar alguns exemplos a seguir.

Métodos mais indicados no combate à dor de cabeça da grávida

Algumas terapias alternativas são mais indicadas no combate à dor de cabeça na mulher grávida. 

Essas práticas não só ajudam a aliviar as dores de cabeça, mas também podem reduzir os níveis de estresse, ansiedade e tensão muscular que ocorrem nessa etapa da vida. 

Veja a seguir:

Aplicar compressa de água fria 

Colocar uma compressa de água gelada na nuca, nas têmporas ou na testa ajuda a aliviar as dores de cabeça. 

Essa compressa ajuda os vasos sanguíneos da cabeça a se contraírem. Desta forma, há a diminuição do volume do sangue, aliviando as dores nessa região. 

Aplicar compressa de água morna

Por outro lado, se a dor de cabeça for causada devido à congestão nasal, o método ideal para aliviar o incômodo é aplicar uma compressa de água morna em torno do nariz e dos olhos. 

O vapor da água morna é uma solução eficaz para soltar o muco nasal e ajuda a aliviar a sensação incômoda que o nariz entupido proporciona. Consequentemente, alivia também a dor de cabeça causada por esse problema.

Fazer massagem na região

As massagens ajudam a relaxar e a controlar os níveis de estresse, aliviando as dores de cabeça.

Você pode pressionar levemente a cabeça fazendo movimentos circulares em alguns pontos estratégicos, como as têmporas, a nuca e o topo da cabeça.

Repouse

Se sentir dor de cabeça, descansar é um método indicado para repor as energias. Procure repousar em um ambiente tranquilo, silencioso e, de preferência, que não receba iluminação. 

Hábitos que ajudam a evitar a dor de cabeça na gravidez

Já que apenas o médico pode indicar qual remédio para dor de cabeça a grávida pode tomar, nós mostramos algumas soluções paliativas que ajudam a controlar esse mal durante a gravidez. E trazer alguns hábitos para a sua rotina podem ajudar a evitar a ocorrência dessas dores. 

Alguns hábitos que podem evitar dores de cabeça na gestação são:

Considerações finais

As dores de cabeça na gravidez são mais uma adversidade que a mulher passa nessa etapa da vida, já que muitas mudanças estão acontecendo em seu corpo, ao mesmo tempo. 

Porém, a gestante não deve se medicar por conta própria. Apenas o médico especialista é quem pode receitar qual remédio para dor de cabeça a grávida pode tomar. 

Mesmo assim, o uso de medicamentos é restrito apenas em casos extremos, como em dores constantes, acompanhadas por náuseas e vômitos, ou em situações graves, como a pré-eclâmpsia e a Síndrome Hellp. 

Por isso, a melhor forma de combater dores de cabeça durante a gravidez é recorrer a métodos alternativos, que ajudam a aliviar os sintomas desse mal. Além disso, adquirir hábitos saudáveis auxiliam na prevenção dessa dor e na saúde da mãe e do bebê.

Se você achou que o nosso post ajudou você a saber qual remédio para dor de cabeça a grávida pode tomar, clique aqui e conheça o nosso Hospital Maternidade. 

Temos todo o conforto que você e o seu bebê merecem.

Autor: Equipe HMDL
Publicado há 3 meses

mail_outline
Inscreva-se na Newsletter do Blog do Domingos Lourenço e receba informações sobre maternidade direto no seu e-mail.

As pessoas também estão lendo...